Sábado, 3 de Abril de 2010
Palavras bonitas
O mal está feito Há horas de loucura Que me adianta viver depois do que fiz Perdi o que mais amava Mulher e filhos Lá em baixo o mar A espuma branca Eu adoro o mar Adoro pescar Eu até queria que as minhas cinzas fossem espalhadas pelo mar Ao longe O barulho das sirenes A polícia É agora ou nunca Inspiro forte Sinto o ar frio da noite Encher os meus pulmões Páre. Meta as mãos atrás da nuca e vire-se para nós Afinal foi mais rápido que eu pensava Não vou deixar prender-me Adeus Até sempre Ricardo Franco
publicado por Odracir às 23:15
link do post | comentar | favorito
|
Pesquisa personalizada
.links